30 de março de 2015

PROGRAMAÇÃO DE ABRIL SESC MATO GROSSO

Em Abril tem o lançamento nacional do Sesc Amazônia das Artes e a Semana Sesc de Leitura e Literatura no Sesc Arsenal.

Na Casa do Artesão tem a exposição O Tempo e a Cidade e no Sesc Porto o destaque é o Circuito Fitness.

Já em Rondonópolis tem a abertura da exposição Livros Mutantes.

Saiba de tudo que acontece nas unidades do Sesc Mato Grosso em nossa programação mensal.

Clique aqui para ver a publicação no Issu


27 de março de 2015

SEMANA SESC DE LEITURA E LITERATURA - 14 A 19 DE ABRIL

ESPETÁCULOS PÚBLICO ESCOLAR

RODARI, GRIPARI E FURNARI - UM MUNDO DE HISTÓRIAS FANTÁSTICAS
Com  Lili Flor e Paulo Pixu (SP)

14/04 às 15h - Teatro

Personagens incríveis, binômios fantásticos, lugares inimagináveis fazem a paisagem para os maravilhosos contos criados por estes grandes autores da literatura para crianças.

HISTORIETAS E ASSOMBRETAS
Com Cia Arte Negus (SP)

15/04 às 9h 

Cabeça e Magreta agora são dois amalucados fantasmas que conhecem histórias de diferentes criaturas que habitam as fantasiosas terras de onde eles vêm, tais criaturas contam suas histórias para eles, e eles, por sua vez, contam para todas as pessoas que encontram pelo caminho.

CONTOS E CANTOS DO FOLCLORE BRASILEIRO
Com  João Acaiabe (SP)

15/04 às 15h

“Contos e Cantos do Folclore Brasileiro” traz ao público uma coletânea de contos, lendas, poemas e cantigas do repertório tradicional brasileiro, interpretados e conduzidos de forma poética, lúdica e bem-humorada.


MURUCUTU, A CORUJA DA GRANDE NOITE
Com  Kiara Terra (SP)

16/04 às 9h e 15h

Avó e Neta, a primeira não pode mais algumas coisas que a segunda não pode ainda. A neta conhece os segredos da noite e com coragem sobrevoa a cidadela nas asas da temível coruja grande. Avó e sua neta juntas percebem seu vínculo de amor e cumplicidade.

CONVERSAS DE BOTAS E BATIDAS
Com Cia Vostraz de Teatro (MT)

17 /04 às 15h

Uma grande manifestação cênica da cultura popular mato-grossense por meio de cantigas populares, utilizando a ferramenta da contação de história para traduzir a riqueza e beleza do folclore do nosso Estado.


Para solicitação de agendamento escolar e mais informações, favor entrar em contato pelos telefones: 3616-6903/ 3616-6922/ 9278-0629/9309-5861 - Falar com: Jocimara Vilella / Evelise Parron - Email: eparron@sescmatogrosso.com.br e jcsilva@sescmatogrosso.com.br e sescarsenal.agendar@sescmatogrosso.com.br 

----------------------------------------------------------------------------------------


OFICINAS LITERÁRIAS PARA PÚBLICO ESCOLAR

FÁBRICA DE HISTÓRIAS
Com Lili Flor e Paulo Pixu 

15 e 16/04 das 8h às 11h | 15, 16, 17/04 – das 14h às 17h

E se vocês tiverem que escolher um final para uma história? Temos três opções! E se você criasse um final? Nesta oficina, os participantes deverão usar muito a imaginação para criar nossas possibilidades para o desfechos de contos diversos.

GUIA SIMININO DE TCHAPA E CRUZ
Com Arte Negus

16/04 das 8h às 11h |  14 a 17/04 – das 14h às 17h

Oficina que propõe atividades recreativas que unem o conhecimento sobre a cultura popular da baixada cuiabana com diversão, criando situações que brincam com elementos tradicionais da sociedade em questão.

CAÇA HISTÓRIAS
Com Poesia Viral

15 e 16/04 das 8h às 11h | 14 a 17/04 – das 14h às 17h

Uma divertida contação que envolve brincadeiras populares e literatura infantil. Os livros serão escondidos em lugares diferentes. Em um trabalho de equipe os participantes terão que encontrá-los, para em seguida ouvir as histórias encontradas.

----------------------------------------------------------------------------------------

COM A PALAVRA O ESCRITOR
Conversa informal entre os escritores convidados e alunos do ensino fundamental e médio sobre o processo criativo de cada autor e suas influências literárias, que constituíram suas obras e sua história de leitor.
15/04 às 10h
Escritora: Iraci Conceição Romagnolli Dias (MT)

16/04 às 10h
Escritora: Neusa Baptista Pinto (MT) 

----------------------------------------------------------------------------------------

PALESTRAS

LITERATURA: MODOS DE FAZER, MODOS DE (SE) REFAZER

14/04 às 19h30 - Teatro

Ainda que o senso comum atribua a criação literária um suposto surto de inspiração, os caminhos da criação de um livro são muito diversos.  Cristiane Costa, André Sant’Anna e Alexandre Marques Rodrigues, autores de diferentes locais e com diferentes vozes narrativas, irão conversar com o público sobre suas escolhas nesse processo de reordenação da realidade que é a criação de uma obra literária.


GRANDES POETAS BRASILEIROS (ESPECIAL DRUMMOND) 
Com Poesia Viral (RJ)
15/04 às 19h  - Cinema
Aula espetáculo sobre Carlos Drummond de Andrade. Eliza Morenno e João Pedro Fagerlande apresentam a vida e a obra do poeta mineiro, com recursos teatrais e projeção de fotos e vídeos. Ao fim, um bate papo com a plateia.

----------------------------------------------------------------------------------------


OFICINAS  DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

A MÁGICA DA HISTÓRIA PARA TODAS AS IDADES
Com João Acaiabe (SP) 

Turma I.: 15/04 das 18h às 21h 

Turma II.: 16/04 das 9h às 12h

Com exercícios de desinibição, imaginação, concentração e emoção. As histórias são oferecidas às crianças através de um caleidoscópio de sentimentos e emoções que favorecem a proliferação do gosto pela literatura, enquanto forma de lazer e diversão.


A PAIXÃO PELA PALAVRA - LER, ESCREVER E NARRAR PARA PERTENCER AO MUNDO
Com Kiara Terra (SP) 

17/04 das 9h às 12h

Desenvolver a capacidade de escuta e troca. O processo colaborativo de construção de conhecimento. Histórias e temas de difícil abordagem. O acolhimento as perguntas dos alunos e as diferentes formas de condução. O Professor- colaborador do processo dos alunos. A Palavra na literatura e na oralidade. A autoria versos a troca como maneira e compartilhar conhecimento- um novo olhar. Mediação de leitura.

PALAVRAS DO SILÊNCIO 
Com Alvaro Assad (SP)

18/04 das 14h às 17h

A oficina de mímica, com Alvaro Assad, apresenta e trabalha os movimentos corporais assim como técnicas ilusórias da arte gestual. Objetivo primordial é apresentar aos contadores de história um instrumento que potencialize o alcance visual, através de um diferente domínio técnico. O gestual.

HISTÓRIAS DE HUMOR
Com Marcio Moura (SP)

19/04 das 10h às 13h

Apresentamos ao professor a importância da prática de contar histórias dentro da sala de aula. Técnicas teatrais, escolha de um bom roteiro, diferentes estratégias, mas principalmente uma boa escolha de historia se torna fundamental.
Oficinas com emissão de certificado
Informações: eparron@sescmatogrosso.com.br / 3616-6922

----------------------------------------------------------------------------------------

CURSO LITERÁRIO - 21 HORAS/AULA

JORNALISMO LITERÁRIO
Com Cristiane Costa (RJ)

15 a 17/04 das 18h às 22h e 18/04 das 9h às 13h e das 14h às 17h

Vamos analisar os grandes clássicos do jornalismo literário e os principais autores de livro-reportagem, para tentar compreender suas técnicas, estratégias e inovações. Mais do que um curso teórico, será uma laboratório prático, com elaboração de textos através de exercícios guiados. Vamos também usar os novos dispositivos, programas e aplicativos para criação de textos eletrônicos para furar o bloqueio dos grandes veículos de comunicação e produzir jornalismo literário fora dos grandes centros.  Curso com emissão de certificado
Informações: eparron@sescmatogrosso.com.br / 3616-6922

----------------------------------------------------------------------------------------

PERFORMANCE LITERÁRIA

MÚSICA PARA MODELOS VIVOS MOVIDOS A MOEDAS
Com Ricardo Aleixo (SP)

15/04 às 20h - Teatro

Performance intermídia do poeta, performador e artista sonoro/visual Ricardo Aleixo. Operando a partir de um mix de elementos de poesia vocal, radioarte, text-tanz, videoperformance, instalação e ruidagem eletroacústica, o artista instaura no palco um jogo de contínuas improvisações, em que a meta é o estabelecimento de aproximações entre práticas composicionais e de interpretação extraídas das várias linguagens, com o fim de relativizar as fronteiras que historicamente as separam. Assim, voz cantada e voz falada, voz pré-gravada e voz entoada ao vivo e processada eletronicamente em tempo real constituem, no âmbito da vocalidade, as bases que levam ao agenciamento do corpo inteiro, dos aparatos digitais, das imagens projetadas, da luz e dos objetos de uso cotidiano manipulados em cena.


----------------------------------------------------------------------------------------

INTERVENÇÕES LITERÁRIAS

POESIA AO PÉ DO OUVIDO
Com Lili Flor e Paulo Pixu (SP)

17/04 às 19h - Jardim/ Varanda

E se alguém te dissesse uma poesia ao pé do ouvido? Lili Flor & Paulo Pixu colecionam poemas e poesias dos mais diversos autores da literatura universal  e compartilham com os bons ouvidos amigos que queiram ouvir.


BARDOS DE SHAKESPEARE COM POESIA VIRAL (RJ)
18/04 às 19h - Jardim/Varanda
Caracterizados como bardos medievais, os artistas abordam pessoas na unidade do Sesc Arsenal com poemas e trechos de peças de William Shakespeare. A performance foi criada em homenagem aos 450 anos do poeta inglês.


----------------------------------------------------------------------------------------

MINIMARATONA DE HISTÓRIAS
16/04 das 18h às 22h

Mestres de Cerimônia: Lili Flor e Paulo Pixu (SP)
Para uma grande noite de contos,  Lili Flor & Paulo Pixu apresentam de maneira solene os nobres convidados que trarão ao público um mundo de histórias.

18h – Abertura - Os apresentadores contam uma história

18h30– Contos de Porcelana – Thereza Helena e Douglas Peron (MT)

19h – Cadê a  História que estava aqui?  com Vinícius Rangel (MT)

19h30 – Conversa de Botas e Batidas – Cia Vostraz de teatro (MT)

20h – Morto Vivo - Arte Negus (SP)

20h30 – Contos e Cantos do Folclore Brasileiro – João Acaiabe (SP)

21h – Dona certeza - a velhinha que ousou atravessar o mar – Kiara Terra (SP)

21h30 – O Poeta Mostra a Língua - Poesia Viral (RJ)


----------------------------------------------------------------------------------------

ESPETÁCULOS DE ENCERRAMENTO

O BELO E O AVESSO DAS COISAS
Com Kiara Terra (SP)
17/04 às 20h - Teatro

Histórias de heróis que diferem em muito do tipo mais comum encontrado nos contos populares. Ingênuo e distraído, confunde-se, fracassa, erra em seus percursos. É ao mesmo tempo fantástico e parecido com todos nós.
*Retirar ingresso uma hora antes do espetáculo

DE FÉRIAS NO SÍTIO
Com Etc e tal (SP)
18 e 19/04 às 18h - Teatro

Inspirado na obra de Monteiro Lobato, esta Pantomima Literária, subverte a leitura do espectador apresentando através da mímica os personagens criados por um dos maiores escritores brasileiro de literatura infanto-juvenil. Pedrinho sai em férias e tem um árduo caminho a percorrer até o Sítio de sua avó, onde se envolve em hilariantes confusões ao sair para uma caçada onde depara-se com o temível e arteiro Saci...
*Retirar ingresso uma hora antes do espetáculo

CONTOS E VERSOS - APRESENTAÇÃO DE ENCERRAMENTO DA OFICINA DE INTERVENÇÕES POÉTICAS
19/04 às 20h - Jardim

Eliza Morenno, João Pedro Fagerlande e artistas locais convidados apresentam uma seleção de contos populares e poemas narrativos.

Para solicitação de agendamento escolar e mais informações, favor entrar em contato pelos telefones: 3616-6903/ 3616-6922/ 9278-0629/9309-5861 - Falar com: Jocimara Vilella / Evelise Parron - E-mail: eparron@sescmatogrosso.com.br e jcsilva@sescmatogrosso.com.br e sescarsenal.agendar@sescmatogrosso.com.br 



INFORME SOBRE O PROCESSO SELETIVO SESC MATO GROSSO 2015/02

Comunicamos que está disponível no site do Sesc Mato Grosso (www.sescmatogrosso.com.br/sesc-mato-grosso/processo,1,1,cuiaba.html) a relação de convocados para realização da Avaliação Objetiva de Cuiabá para os seguintes cargos:

Auxiliar de Manutenção e Cargas (AMC-01);
Artífice de Manutenção Generalista (ART02);
Artífice de Manutenção Marceneiro (ART-03);
Auxiliar de Serviços 30 hs (AS-01);
Auxiliar de Serviços 40 hs (AS-02)
Auxiliar Administrativo (AUX-01);
Auxiliar de Biblioteca (AXB);
Analista de Programas Sociais Artes Plásticas (APS-02);
Analista de Programas Sociais Teatro (APS-03);
Dentista (DNT-01);
Garçom (GAR-01);
Porteiro (PRT-01).

Informamos ainda que os cargos: Analista Administrativo (AND-01), Recepcionista (RCP-01), Secretário (a) (SEC-01) e Técnico de Programas Sociais (TPS-01), terão a convocação para realização da Avaliação Objetiva divulgada no dia 31 de março no site do Sesc Mato Grosso e no mural da Unidade Sesc Administração.

A divulgação da convocação para os cargos para o Sesc Rondonópolis também foi adiada para o dia 31 de março para os seguintes cargos: Artífice de Manutenção e Cargas (ART-01), Analista de Programas Sociais (APS-01), Auxiliar de Manutenção e Cargas (AMC-02), Dentista (DNT-02), Motorista (MOT-01) e Nutricionista (NUT-01).

Outras informações pelos telefones: 65 3616-7937 e 3616-7980.


25 de março de 2015

Péricles Anarcos volta aos palcos cuiabanos com adaptação de Hemingway

Depois de se lançar em embarcações por outras águas brasileiras, o ator Péricles Anarcos, volta a ancorar em Mato Grosso. Ao pisar em terra firme, volta aos palcos sem se distanciar das últimas vivências. Pelo projeto Poesia Versos e Cordas encena uma adaptação poética de “O Velho e o Mar”, de Ernest Hemingway. Vai ser nesta quarta-feira (25), às 20 horas, no Teatro do Sesc Arsenal. A entrada é gratuita.

No espetáculo, que será exibido também ao público escolar no mesmo dia, às 15 horas, é revelada à plateia, a odisséia contemporânea do velho marinheiro cubano Santiago, que em um período de muito azar, não consegue pescar nenhum peixe por mais de 84 dias e vira alvo de zombarias dos seus amigos na colônia dos pescadores. Eis que de repente, tira a sorte grande ao pescar um gigante espadarte. Mas, será que foi sorte?

O brilhante texto publicado por Hemingway em 1952, fez com que ele fosse contemplado com o prêmio Pulitzer (1953) e laureado com o Nobel de Literatura de 1954.

Encantado pelo texto e inspirado pelo tempo que exerceu atividade profissional como marinheiro mercante, Péricles começou a idealizar o espetáculo a partir da oficina dramatúrgica da Árvore, que ministrou no Sesc Arsenal, durante a edição mais recente do Guaná – Aldeia Sesc de Cultura. No curso, ele fez a comparação de imagens entre a construção de um texto teatral, com a plantação de uma árvore.

“E é assim que o espetáculo não estreia de forma conclusa, segue em construção. As influências teatrais adquiridas ao longo dos anos por conta da interação com atores de outros países, o Odin Teatret, da Dinamarca e o canto difônico do estilo tuvano que tenho desenvolvido autodidaticamente e a vida em embarcações foram se misturando e dando forma ao espetáculo”, explica. Péricles ressalta ainda, que amplia as possibilidades com texto em português lusitano e espanhol.

Um dos fundadores do célebre Teatro Fúria, em efervescência no início dos anos 2000 em Mato Grosso, Péricles Anarcos volta à ativa e entusiasma a plateia cuiabana, ávida por notícias suas. E claro, pela genialidade inerente.

Péricles Anarcos atuou como autor, ator e diretor no Teatro Fúria e os Insurretos Furiosos Desgovernados. Viajou por 18 estados brasileiros divulgando os 10 espetáculos e 5 oficinas da trupe, por intermédio de festivais de teatro e projetos de circulação de espetáculos como Caravana Funarte, Palco Giratório e projetos particulares contemplados pela Lei Rouanet. Além dos espetáculos e laboratórios o Fúria também promoveu o Festival Nacional de Teatro de Cuiabá, aulas e espetáculos com menores em conflito com a Lei, presos na cadeia do Complexo Pomeri.


Serviço: 
Poesia Versos e Cordas
O Velho e o Mar, com Péricles Anarcos
Dia 25 de março, às 20 horas, no Teatro do Sesc Arsenal
Entrada Gratuita (Retirar o ingresso 1 hora antes do espetáculo) 

23 de março de 2015

EXPOSIÇÃO JÁ FUI FLORESTA - POR JOSÉ MEDEIROS

Período de Exposição: 27/03 a 08/05 no Sesc Arsenal

Foi em um território mítico, no Parque Indígena do Médio Xingu, que José Medeiros redescobriu o universo rico e complexo dos índios Ikpeng. E na relação de troca estabelecida, Medeiros se interessou em repassar o conhecimento em sua trajetória fotográfica. Assim, não somente ensina os índios a fotografar, como defende os direitos com a valorização de atributos simbólicos ligados à própria imagem do índio e às raízes de sua cultura. Medeiros procura indagar sobre a cultura indígena e o lugar que lhe cabe na sociedade contemporânea. Talvez por isso, A exposição “Já Fui Floresta” vem mostrar a realidade, a convivência do índio que, em meio ao mundo globalizado, vê o futuro em perspectiva.


3ª a Sábª das 14h às 17h e 18h às 21h / Dom. e Fer. das 16h às 21h  | Galeria de Artes  |  Gratuito
Agendamento de Grupos: sescarsenal.agendar@sescmatogrosso.com.br  | 3616-6903