9 de março de 2011

SESC Arsenal exibe gratuitamente o filme BRAVA GENTE BRASILEIRA de Lúcia Murat




O CineSESC apresenta nesta quinta-feira a Mostra de Filmes. Para inaugurar essa edição, a unidade leva para as telas o filme BRAVA GENTE BRASILEIRA  da diretora Lúcia Murat. A sessão será as 19h com entrada franca, abaixo mais informações sobre o filme:


Título Original: Brava Gente Brasileira
Gênero: Drama
Origem/Ano: BRA/2000
Duração: 104 min
Direção: Lucia Murat

Sinopse: Pantanal, 1778, região do Médio-Paraguai, um grupo de soldados acompanha Diogo, astrônomo, naturalista e cartógrafo, recém-formado em Coimbra, que chega à região para fazer um levantamento topográfico para a Coroa Portuguesa. A coluna se encaminha para o Forte Coimbra, permanentemente assediada pelos índios cavaleiros, com quem Portugal está tentando um acordo de paz.

No caminho do forte, um batedor descobre um grupo de mulheres índias tomando banho num rio. Em meio a alguns desencontros, os soldados estupram as mulheres. Três personagens se destacam: Pedro, que chefia o grupo e é particularmente feroz, Diogo, que terá de confrontar sua formação "ilustrada" com a dura realidade da colônia, e Antônio, que carrega um mapa secreto com a localização de supostas minas de prata. Todos se envolvem na carnificina, até mesmo Diogo, a quem Pedro entrega uma índia que tinha se escondido na mata.

Diogo impede Pedro de assassinar a índia e todos seguem para o forte. Ali, o comandante vive com uma índia de outra tribo - guaná, já catequizada e aculturada - os conflitos crescem. O filme vai trabalhar em torno destas relações, que representam em última instância o conflito entre os dois mundos e na prática o surgimento de um terceiro, onde os conceitos dos dois lados começam a se desintegrar.

Assim é o conflito de Diogo entre a lembrança da noiva virgem portuguesa e a atração culpada pela índia; ou as tentativas do comandante em conciliar os dois mundos; ou ainda a ferocidade de Pedro que caminha enlouquecido numa ânsia crescente de violência como se buscasse um limite que o Novo Mundo não lhe dá. Finalmente, a fantasia de Antônio em torno das minas de prata que lhe toma corpo e alma, deixando-o incapaz de lidar com a realidade.

O período das chuvas e da cheia vai significar uma trégua na luta com os guaicurus. Quando as águas começam a baixar, a possibilidade de paz ressurge. Os cavaleiros voltam ao forte e afirmam que aceitam o acordo. Propõem como manifestação de sua boa vontade que os portugueses fiquem com suas mulheres índias. Estes aceitam. Momentos depois grupos de índios escondidos na região entram no quartel e dizimam os soldados.

Serviço:
Mostra de Filmes: BRAVA GENTE BRASILEIRA
Data: 10/03 (quinta-feira)
Horário: 19h
Local: CineSESC - SESC Arsenal
Entrada Franca
Informações: (65) 3616-6901

Trailer do Filme:


Nenhum comentário:

Postar um comentário